Obama anuncia detalhes da retirada militar do Afeganistão

Líder americano deve dirigir-se à nação nesta quarta-feira, quando divulgará plano de ação para implementar a estratégia de retirada do Afeganistão; até o final de 2012, 30 mil soldados já terão retornado

Efe,

22 de junho de 2011 | 03h52

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciará nesta quarta-feira, 22, em discurso à nação os detalhes do começo da retirada militar do Afeganistão, que segundo informações que vazaram à imprensa já teria início em julho.

 

O líder americano deve dirigir-se à nação às 20h locais (21h de Brasília), quando divulgará o plano de ação para implementar a estratégia de retirada do Afeganistão anunciada no final de 2009.

 

A Casa Branca não antecipou detalhes concretos do discurso desta noite, mas espera-se que Obama anuncie a retirada de cinco mil soldados do país asiático em julho.

 

Além disso, outros cinco mil soldados abandonariam o Afeganistão ao longo deste ano.

Segundo informações adiantadas pela imprensa local, até o fim de 2012 já teriam retornado os 30 mil soldados que chegaram ao Afeganistão no ano passado para reforçar as forças aliadas e acelerar a formação das tropas afegãs.

 

A retirada seria completada, segundo o previsto pela Otan em sua cúpula de novembro, em 2014.

Atualmente, há desdobrados no Afeganistão cerca de 100 mil soldados americanos. O custo da guerra ronda os US$ 10 bilhões mensais.

Tudo o que sabemos sobre:
EUA, Afeganistão, soldados

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.