Obama anuncia interdição aérea contra narcotráfico no Brasil

Determinação afirma que o governo brasileiro tomou as medidas necessárias para proteger a vida de inocentes

EFE

17 de outubro de 2009 | 02h10

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou neste sábado a interdição aérea de aviões que poderiam transportar drogas ilegais sobre território brasileiro.

 

Em uma "determinação presidencial" dirigida aos departamentos de Estado e de Defesa, o líder assinalou que a interdição "é necessária devido à extraordinária ameaça que representa o tráfico de drogas à segurança dessa nação".

 

Acrescentou que a interdição inclui, pelo menos, o uso de meios efetivos para identificar e advertir um avião suspeito de transportar drogas antes do uso da força. A determinação presidencial indicou que o Governo do Brasil tomou as medidas apropriadas para proteger a vida de inocentes tanto no ar como em terra.

 

A nota instruiu ao Departamento de Estado a publicar a decisão na Gazeta Federal e a notificar ao Congresso.

Tudo o que sabemos sobre:
OBAMANARCOTRÁFICOBRASIL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.