Obama anuncia que deixará Senado no domingo

Presidente eleito se dedicará somente à transição; 'Foi uma das maiores honras da minha vida', afirmou

Reuters

13 de novembro de 2008 | 19h06

O presidente-eleito dos EUA, Barack Obama, anunciou que vai renunciar à sua cadeira no Senado a partir de domingo, para se dedicar integralmente à transição para a Casa Branca. "Foi uma das maiores honras e privilégios da minha vida ter servido ao povo de Illinois no Senado dos Estados Unidos", disse Obama em nota.   Veja também: Equipe de transição fornece pistas sobre governo Obama 50 fatos curiosos sobre Barack Obama  Principais desafios de Obama Nomes cotados para o gabinete de Obama Quem são os eleitores de Obama   Trajetória de Obama  Cobertura completa das eleições nos EUAEle tomará posse em 20 de janeiro como presidente. "Deixo o Senado dos Estados Unidos e começo a árdua tarefa de realizar as simples esperanças e os sonhos comuns de todos os norte-americanos, como o próximo presidente da nossa nação", afirmou. Isso significa que Obama, que cumpriu quatro dos seis anos de mandato, não participará da sessão pós-eleitoral do Senado na semana que vem, em que a bancada democrata espera aprovar um pacote de ajuda à indústria automobilística e outro de recuperação econômica geral. O governador de Illinois, o democrata Rod Blagojevich, vai indicar um sucessor para completar o mandato de Obama.  

Tudo o que sabemos sobre:
Barack Obamaeleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.