Obama considera 'histórica' aprovação de projeto para a saúde

Presidente americano chegou inclusive a citar tentativas de Theodore Roosevelt de promover a reforma

AP

24 de dezembro de 2009 | 12h15

O presidente americano, Barack Obama, saudou a passagem pelo Senado do projeto de saúde, que ele considera "histórica", dizendo que o governo está "finalmente pronto para cumprir a promessa" de reformar um sistema conturbado.

 

Falando pouco tempo depois de o Senado aprovar o projeto de US$ 871 bilhões por 60 votos contra 39, Obama saudou o voto como trazer América "para o fim de quase um século-longa luta", e citou o ex-presidente Theodore Roosevelt, que tentou, em 1912, reformar do sistema de saúde, sem êxito.

 

Em uma das salas da Casa Branca, antes de partir em uma viagem de férias a seu estado de origem do Havaí, Obama disse que a medida do Senado aprovou quinta-feira anterior "inclui as mais rigorosas medidas já tomadas para conter a indústria de seguros responsável".

Tudo o que sabemos sobre:
ObamasaúdeSenado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.