Obama diz estar pronto para enviar conselheiros e realizar ataques no Iraque

O presidente Barack Obama afirmou nesta quinta-feira que os Estados Unidos estão prontos para enviar até 300 conselheiros militares ao Iraque e para realizar ataques específicos no país para combater uma insurreição de extremistas.

REUTERS

19 de junho de 2014 | 15h18

Obama disse que as forças norte-americanas não vão retornar ao combate no Iraque e que o secretário de Estado, John Kerry, iria realizar reuniões no Oriente Médio e na Europa.

O presidente dos EUA fez um apelo às autoridades iraquianas para deixarem de lado suas diferenças e unirem-se para encontrar uma solução política à crise que afeta o país.

(Por Jeff Mason e Mark Felsenthal)

Mais conteúdo sobre:
EUAOBAMAIRAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.