Obama diz que somente negociações criarão Estado palestino

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou nesta quarta-feira em discurso na Organização das Nações Unidas que os palestinos merecem o reconhecimento de Estado, mas alertou que a isso só será alcançado por meio de negociações com Israel.

REUTERS

21 Setembro 2011 | 11h42

"Estou convencido de que não há atalho para encerrar um conflito que dura décadas. A paz não virá por meio de resoluções na ONU", disse ele em discurso na Assembleia Geral da ONU.

"No final das contas, são os israelenses e palestinos --não nós-- que precisam chegar a um acordo sobre as questões que os dividem: sobre fronteiras e segurança; sobre refugiados e Jerusalém", acrescentou.

Mais conteúdo sobre:
EUA OBAMA DISCURSO PALESTINA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.