Carolyn Kaster/AP
Carolyn Kaster/AP

Obama: EUA tomarão 'as medidas necessárias' com Coreia do Norte

Presidente norte-americano diz que é o momento de Pyongyang 'acabar com abordagem agressiva'

Reuters

11 de abril de 2013 | 18h06

WASHINGTON - O presidente norte-americano, Barack Obama, disse nesta quinta-feira, 11, que os Estados Unidos vão trabalhar diplomaticamente para reduzir as tensões com a Coreia do Norte, mas advertiu que Washington tomará "todas as medidas necessárias" para proteger o país e seus aliados.

"Agora é o momento para a Coreia do Norte acabar com o tipo de abordagem agressiva que tem feito e tentar temperaturas mais baixas. Ninguém quer ver um conflito na península coreana", disse Obama a jornalistas durante reunião na Casa Branca com o secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon.

"Vamos continuar a tentar trabalhar para resolver algumas dessas questões diplomaticamente, embora, como eu indiquei para o secretário-geral, os Estados Unidos vão tomar todas as medidas necessárias para proteger seu povo e cumprir nossas obrigações sob nossas alianças na região", completou Obama.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.