Obama fará alerta ao Irã sobre programa nuclear em discurso na ONU

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, vai avisar o Irã nesta terça-feira que os Estados Unidos farão "o que devem fazer" para impedir que a República Islâmica obtenha uma arma nuclear, e fará um apelo aos líderes mundiais por uma resposta unida aos ataques contra representações diplomáticas norte-americanas em países muçulmanos.

Reuters

25 de setembro de 2012 | 07h30

Em seu discurso à Assembleia Geral da ONU, Obama dirá ao Irã que ainda há tempo para uma solução diplomática para a crise sobre o programa nuclear iraniano, mas que "o tempo não é ilimitado". O presidente dos EUA vai reiterar que seu país nunca aceitará a ideia de que um Irã com armas nucleares será simplesmente "contido".

Obama, que vai discursar exatamente seis semanas antes da eleição presidencial dos EUA, também fará um pedido por união dos líderes mundiais, em consequência da onda de ataques de manifestantes muçulmanos contra missões diplomáticas norte-americanas como resultado de um filme feito nos EUA que denigre o profeta Maomé.

"Os ataques das últimas duas semanas não são simplesmente uma agressão à América. Também são uma agressão aos ideais sobre os quais os Estados Unidos foram fundados", dirá Obama, de acordo com trechos do discurso divulgados pela Casa Branca.

(Reportagem de Matt Spetalnick)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAOBAMADISCURSOIRA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.