Obama faz visita surpresa ao Iraque

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, desembarcou em Bagdá nesta terça-feira para uma visita surpresa, marcando um novo capítulo em sua estratégia de trocar o foco militar dos EUA da impopular guerra no Iraque para o conflito no Afeganistão.

REUTERS

07 de abril de 2009 | 11h26

A Casa Branca informou que Obama vai se encontrar com comandantes e soldados norte-americanos e conversar por telefone com líderes iraquianos.

Ele telefonará para os líderes iraquianos porque o mau tempo impediu que eles viajassem de helicóptero para encontrá-lo pessoalmente, disse o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs.

O presidente dos EUA chegou à capital iraquiana numa viagem surpresa a partir da Turquia, no encerramento de sua primeira grande viagem internacional. Essa é a primeira viagem de Obama ao Iraque desde que ele foi eleito presidente em novembro de 2008, com uma campanha em que deu ênfase à retirada de tropas norte-americanas da guerra.

Questionado sobre a razão da visita, Gibbs disse que "há várias razões importantes", sendo uma delas "ver e passar algum tempo com os homens e mulheres que estão servindo ao nosso país com muita honra aqui".

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIRAQUEOBAMASURPRESA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.