Obama inicia campanha com comícios em Estados cruciais

Com sua mulher ao lado e o Air Force One como avião de campanha, o presidente norte-americano, Barack Obama, realizou neste sábado seu primeiro comício político da corrida presidencial de 2012, tendo como alvo dois Estados que podem ser críticos em sua tentativa de se manter na Casa Branca.

JEFF MASON, REUTERS

05 Maio 2012 | 14h21

O democrata lançou formalmente seu esforço para reeleição com base em Chicago no ano passado, mas seus eventos políticos oficiais foram limitados à captação de recursos desde então.

Isso muda neste final de semana.

Obama, que chegou ao poder nas eleições de 2008 graças, em parte, aos grandes comícios em todo o país, espera recuperar o ímpeto com eventos em grandes arenas em Columbus, Ohio e Richmond, Virginia. Milhares de pessoas são esperadas para assistir.

Desde que o republicano Mitt Romney se tornou nomeado virtual de seu partido, Obama criticou seu rival em situações formais e informais -em um sinal de que está mais que preparado para começar os ataques que são esperados para caracterizar uma campanha potencialmente negativa. Ele deve ser fortemente crítico a Romney durante o comício neste sábado.

Os republicanos acusam Obama de infundir política em seus eventos oficiais da Casa Branca e zombam da ideia de que sua campanha está apenas começando. O presidente fez viagens oficiais nos últimos meses para destacar sua energia recorde e angariar propostas para reduzir custos para os alunos. Os jovens são um importante eleitorado para sua campanha.

"Estamos prontos para ir", disse o gerente da campanha Jim Messina a jornalistas em recente teleconferência.

"Enquanto Mitt Romney tem estado ocupado agradando o Tea Party e fazendo promessas que não pode cumprir, nós estivemos ocupados construindo a maior campanha popular da história norte-americana moderna".

Mais conteúdo sobre:
EUA OBAMA CAMPANHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.