Obama nomeia ex-auxiliares de Clinton para o Pentágono

O presidente eleito dos EUA, Barack Obama, indicou na quinta-feira ex-funcionários do governo Bill Clinton para importantes cargos na Defesa, incluindo o ex-controlador do Pentágono William Lynn como vice-secretário da pasta. As quatro autoridades formarão uma experiente equipe política sob o comando do secretário de Defesa, Robert Gates, que concordou em permanecer à frente do Pentágono durante o mandato de Obama. Lynn, atualmente um importante executivo na Raytheon Co., foi controlador do Pentágono de 1997 a 2001 e antes havia encabeçado o escritório de Avaliação e Análise de Programas do Departamento de Defesa. Obama também indicou Michele Flournoy, ex-funcionária do departamento, para o cargo de subsecretária de Defesa para orientação política; e Robert Hale, ex-secretário assistente da Força Aérea, para o cargo de controlador. Jeh Jonhson, ex-conselheiro-geral da Força Aérea, foi indicado para tornar-se conselheiro-geral do Departamento de Defesa. "Eu estou confiante de que esses distintos indivíduos têm o conhecimento e o comprometimento necessários para me ajudar a implementar uma estratégia sustentável de segurança nacional", disse Obama em um comunicado. (Reportagem de David Morgan)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.