Obama se desculpa com Afeganistão por queima do Alcorão

O presidente norte-americano, Barack Obama, enviou nesta quinta-feira uma carta ao presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, desculpando-se pelas cópias queimadas do Alcorão em uma base militar norte-americana no Afeganistão, informou a Casa Branca.

REUTERS

23 de fevereiro de 2012 | 12h08

"Na carta, entregue pelo embaixador Ryan Crocker nesta tarde, em Cabul, o presidente também expressou nosso arrependimento e nossas desculpas por causa do incidentes em que materiais religiosos foram mal manuseados de forma não intencional na Base Aérea de Bagram", disse o porta-voz da Casa Branca Tommy Vietor.

A queima de livros do Alcorão na base aérea de Bagram, perto de Cabul, instigaram violentos protestos contra os EUA e contra as forças da Otan no Afeganistão nos últimos dias, com ao menos oito pessoas mortas.

(Por Matt Spetalnick)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAOBAMADESCULPAAFEGANISTAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.