Oprah reforça campanha eleitoral de Barack Obama

Para assistir a um comício com a apresentadora, milhares entram na campanha do senador à Presidência

08 de dezembro de 2007 | 15h15

Oprah e Hillary - duas mulheres tão famosas que são reconhecidas logo á menção do  primeiro nome -  competem, neste sábado, pela atenção dos eleitores numa acirrada campanha pela indicação do partido Democrata para a sucessão de George W. Bush.   Mas se Hillary Clinton é um rosto familiar na política americana, a apresentadora Oprah Winfrey estréia na campanha em favor do rival de Hillary, o senador Barack Obama. Oprah pretende aparecer ao lado do senador e de sua mulher em dois comícios no Estado de Iowa, e viajar com o casal por outros Estados importantes nas primárias democratas - New Hampshire e Carolina do Sul.   A corrida democrata em Iowa está apertada, com Obama, Hillary e o terceiro postulante, John Edwards, na disputa pela convenção de  3 de janeiro - a primeira votação estadual rumo à eleição de novembro.   A campanha de Obama diz que Oprah já se mostrou uma vantagem para o candidato antes mesmo de aparecer: milhares de eleitores, incluindo muitos que nunca haviam participado da campanha, registraram-se pela internet ou foram aos escritórios de propaganda política em busca de ingressos para os comícios. Os que concordassem em ceder quatro horas de trabalho voluntário para a campanha eleitoral do senador teriam direito a ingressos VIP, e a campanha diz que 1.385 pessoas aceitaram a oferta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.