OSCE aprova suspensão de operações russas e quer monitorá-la

A Organização para Segurança eCooperação na Europa elogiou o anúncio feito pela Rússia naterça-feira, no qual informou que estava encerrando asoperações militares na Geórgia. A OSCE também se disse prontapara ajudar a monitorar uma trégua. "Elogio a decisão do presidente (Dmitry) Medvedev", disse,em um comunicado, o ministro das Relações Exteriores daFinlândia, Alexander Stubb, cujo país detém a Presidênciarotativa da OSCE. Stubb está em Moscou para participar do processo denegociação. Além da suspensão das operações, o presidente russoanunciou na terça-feira que as tropas de paz russas serãomantidas na Ossétia do Sul e na Abkhásia, duas áreasseparatistas da Geórgia, para garantir a estabilidade na regiãodo Cáucaso. "Nossas forças de paz continuam e continuarão a desempenharsuas tarefas porque elas são um fator essencial para asustentação da segurança no Cáucaso", disse Medvedev em umacoletiva, junto com o presidente francês, Nicolas Sarkozy. "Assim tem sido e assim continuará sendo", disse Medvedev. (Por Ron Popeski)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.