Papa diz que 11/9 foi agravado ao atentarem em nome de Deus

Bento XVI declarou em carta que seus pensamentos 'se voltam nesses dias aos sombrios fatos do 11 de setembro de 2001'

Efe

10 Setembro 2011 | 09h39

ESPECIAL: Dez Anos do 11 de Setembro

 

CIDADE DO VATICANO - O papa Bento XVI declarou, em um carta enviada ao arcebispo católico de Nova York, Timothy Dolan, por ocasião dos 10 anos dos atentados do 11 de setembro nos Estados Unidos, que a tragédia "foi agravada pela reivindicação dos terroristas de atuar em nome de Deus".

 

Veja também:
documento ESPECIAL: 
Dez anos do 11 de Setembro
som ESTADÃO ESPN: Série especial

especial ESPECIAL: Do 11/09 à morte de Bin Laden: onde você estava?

 

A sala de imprensa de Vaticano publicou neste sábado a carta do Pontífice ao arcebispo Dolan, também presidente da Conferência Episcopal dos EUA, e na qual reitera que "mais uma vez, deve afirmar-se inequivocamente que nenhuma circunstância pode jamais justificar atos de terrorismo".

 

Na carta ressalta que "nestes dias" seus pensamentos "voltam aos sombrios fatos do 11 de setembro de 2001, quando foram perdidas tantas vidas inocentes".

 

"Cada vida é preciosa aos olhos de Deus e não se economiza nenhum esforço em promover no mundo um respeito genuíno pelos direitos inalienáveis e a dignidade das pessoas e dos povos em todas partes", declarou.

 

O papa louva na carta o povo americano "pela coragem e a generosidade que demonstrou nas operações de socorro e por sua prontidão em seguir em frente com esperança e confiança".

 

Bento XVI eleva sua "fervente oração" a fim de que se alcance "um compromisso inquebrável para a justiça e uma cultura global de solidariedade que contribua para libertar o mundo das reivindicações que, frequentemente, incitam atos de violência" e pede condições para uma maior paz e prosperidade, que ofereçam um futuro mais luminoso e seguro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.