Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Pesquisa mostra queda na vantagem de Hillary na Pensilvânia

A pré-candidata democrata àPresidência dos EUA Hillary Clinton tem vantagem de seis pontospercentuais sobre o rival Barack Obama na Pensilvânia, contra16 pontos à frente duas semanas atrás, de acordo com pesquisada Quinnipiac University revelada nesta quarta-feira. Os dois últimos concorrentes à indicação democrata seenfrentam na primária da Pensilvânia em 22 de abril, que podeser importante se a corrida interna no partido para as eleiçõesde novembro ainda seguir indefinida. Após as primárias de 4 de março no Texas e Ohio, aPensilvânia será o maior Estado que ainda não terá votada nasprévias do calendário eleitoral. A pesquisa da Pensilvânia, realizada entre 21 e 25 defevereiro, mostrou Hillary, senadora de Nova York, com vantagemde 49 a 43 por cento sobre Obama, senador de Illinois, entre osprováveis eleitores democratas. Uma pesquisa anterior daQuinnipiac, entre 6 e 12 de fevereiro, mostrou que aex-primeira-dama vencia por 52 a 36 por cento. A maior mudança na preferência dos eleitores foi detectadaentre os mais jovens, entre 18 e 44 anos, que passaram de 52para 41 por cento a favor de Hillary. Eles mudaram de 41 para58 por cento a favor de Obama, na mais recente pesquisa, disseo Quinnipiac. "Se a senadora Clinton sobreviver à próxima semana (emTexas e Ohio) para lutar mais um dia, a Pensilvânia podetornar-se o último campo de batalha da longa disputa democrata.Mas uma vitória de Obama no Texas e Ohio pode trazerdificuldades para ela", disse Clay Richards, diretor-assistentedo Instituto de Pesquisa da Quinnipiac University, emcomunicado. A pesquisa entrevistou 506 prováveis eleitores da primáriademocrata e tem margem de erro de 4,4 pontos percentuais paramais ou para menos. A Quinnipiac também entrevistou 1.872 eleitores daPensilvânia sobre uma eventual disputa de Hillary ou Obamacontra o líder das prévias republicanas, o senador do ArizonaJohn McCain. Hillary liderou McCain por 44 a 42 por cento naPensilvânia, enquanto Obama teve vantagem de 42 a 40 por centosobre McCain. Essa pesquisa tem margem de erro de 2,3 pontospercentuais para mais ou para menos. (Reportagem de Daniel Trotta) REUTERS PF TS

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.