Polícia de Nova York encontra submarino de construção caseira

O submarino, sem sistema de propulsão mecânica, de forma esférica e construído com fibra de vidro

EFE,

04 de agosto de 2007 | 00h53

A Polícia de Nova York informou nesta sexta-feira, 3, que encontrou uma pequena embarcação submersível de construção caseira flutuando nas águas do rio East, perto da zona de segurança do porto de Brooklyn, e deteve três pessoas. A embarcação, que segundo as autoridades se assemelha a um dos primeiros submarinos da época da revolução deste país, o Turtle, do século XVIII, foi encontrado quando seus tripulantes iam em direção à zona onde está o transatlântico Queen Mary 2, em uma área do porto entre Manhattan e Brooklyn. Para a Polícia nova-iorquina esse pequeno submarino não representa ameaça terrorista alguma, assinalou Raymond Kelly, um dos responsáveis da instituição. As autoridades disseram que detiveram três pessoas na embarcação, que estava parcialmente submergida, e as acusarão de ter violado as regras de segurança do porto. O submarino, sem sistema de propulsão mecânica, de forma esférica e construído com fibra de vidro, estava amarrado a outra embarcação inflável. Um dos ocupantes, segundo a rede de televisão ABC, é o artista Philip Riley, de 35 anos, que foi interrogado pelos serviços da Guarda Litorânea, e que o acusará por utilizar uma embarcação insegura e violar uma área de segurança portuária.

Tudo o que sabemos sobre:
embarcaçãosubmarino

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.