Mark Blinch/Reuters
Mark Blinch/Reuters

Polícia do Canadá faz 3ª prisão relacionada às cúpulas do G-8 e G-20

Homem foi preso próximo ao local onde o G-20 irá se reunir com uma motosserra, um arco e galões de gasolina

Reuters,

24 de junho de 2010 | 18h33

TORONTO- A polícia de Toronto, em alerta máximo antes de duas cúpulas internacionais que ocorrerão nesta semana, prendeu nesta quinta-feira, 24, um homem próximo ao local onde será a reunião do G-20, cujo carro continha uma motosserra, um arco e galões de gasolina.

 

O homem de 53 anos foi capturado a apenas um quarteirão onde cercas de aço foram construídas para proteger os líderes das 20 economias que irão se encontrar no fim de semana na cidade mais populosa do Canadá.

 

De acordo com um policial, o homem não tinha explicações para as armas em seu carro, que estavam à mostra. Esta foi a terceira prisão relacionada às cúpulas do G-8 e do G-20.

 

Nesta semana, a polícia prendeu um homem e sua mulher que tinham explosivos e armas de fogo em um bairro de Toronto.

 

Líderes do Grupo dos Oito irão se reunir na sexta e no sábado em Huntsville, Ontário. O G-20 terá uma cúpula em Toronto no sábado e no domingo.

 

As reuniões irão focar na crise econômica mundial e devem atrair milhares de manifestantes que planejam pressionar os países a firmarem compromissos contra a pobreza e a favor do meio ambiente.

Tudo o que sabemos sobre:
CanadápolíciaprisãoG-8G-20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.