Prédios em 29 condados dos EUA recebem ameaças de bomba

Tribunais e prédios públicos em 29 condados do Estado norte-americano do Tennessee foram temporariamente esvaziados nesta terça-feira após uma onda de ameaças de bomba por telefone, semelhante a incidentes recentes em várias outras regiões dos Estados Unidos, disseram autoridades.

Reuters

27 de novembro de 2012 | 20h11

As ameaças forçaram o fechamento de mais de uma dúzia de tribunais em Oregon na semana passada e ameaças de bombas também foram feitas no Estado de Washington e no Nebraska. À tarde, 19 dos tribunais do Tennessee foram liberados.

"Nenhum artefato foi encontrado", disse o porta-voz do Departamento de Emergência do Tennessee, Jeremy Heidt. Nenhuma bomba foi encontrada em qualquer um dos outros Estados.

As ameaças foram feitas por telefone para escritórios rurais e urbanos.

Em Memphis, a porta-voz policial Karen Rudolph disse que o pessoal de comunicação recebeu uma ligação na manhã desta terça-feira de uma mulher desconhecida dizendo que alguém estava prestes a explodir o Centro de Justiça Criminal, o Edifício Federal e a agência principal dos correios. Todos os prédios foram esvaziados.

Outro porta-voz do Departamento de Emerência, Dean Flener, disse que sua agência estava monitorando as buscas pelo Tennessee.

"Eu não sei quem está ligando", disse.

(Reportagem de Tim Ghianni)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAAMEACASBOMBA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.