Primeiro funeral de vítimas de tiroteio nos EUA será nesta 4a

O primeiro funeral de uma das vítimas do tiroteio de sexta-feira em um cinema do Estado do Colorado, um homem de 51 anos que tinha quatro filhos, será realizado nesta quarta-feira.

CHRIS FRANCESCANI E KEITH COFFMAN, Reuters

25 de julho de 2012 | 14h53

Gordon Cowden, a pessoa mais velha morta, era um avaliador de imóveis autônomo que tinha levado suas filhas adolescentes para a sessão da meia-noite de "Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge", quando foi morto com outros 11 espectadores em uma saraivada de balas supostamente disparadas por James Eagan Holmes, de 24 anos. Suas filhas escaparam ilesas.

O funeral de Cowden, o primeiro a ocorrer desde o massacre de 20 de julho, será nesta quarta-feira na Pathways Church, em Denver.

Natural do Texas, onde um memorial separado será realizado em Austin no final desta semana, ele foi descrito em um comunicado de sua família como: "pai amoroso, que gostava da vida ao ar livre e era dono de uma pequena empresa, Cowden era um verdadeiro cavalheiro do Texas que amava a vida e sua família".

"Um viajante do mundo de raciocínio rápido, com um grande senso de humor, ele será lembrado por sua dedicação aos filhos e por sempre tentar o melhor para fazer a coisa certa, não importa o obstáculo.'

Vinte das 58 pessoas feridas no tiroteio permanecem hospitalizadas, sete em estado crítico.

Katie Medley, de 21 anos, e seu marido, Caleb, 23 anos, ambos vestindo roupas relacionadas ao filme do Batman, estavam na sessão quando começou o tiroteio. Na terça-feira, ela, que escapou sem ferimentos, deu à luz um menino enquanto o marido estava no mesmo hospital em coma induzido, com um tiro na cabeça.

Um site criado para arrecadar dinheiro para os cuidados dele, porque os Medley não têm seguro de saúde, www.calebmedley.com/help, disse que ele perdeu o olho direito, sofreu lesão cerebral e estava em coma induzido.

Holmes foi preso atrás do cinema logo após o massacre e compareceu no tribunal pela primeira vez na segunda-feira, parecendo atordoado e sob efeito de remédios. Na audiência, o juiz marcou a data para registro das acusações formais na próxima segunda-feira.

Mais conteúdo sobre:
EUATIROTEIOFUNERAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.