Romney lidera para ser candidato republicano em 2016, venceria Hillary na eleição

Mitt Romney, candidato republicano derrotado na eleição presidencial dos Estados Unidos em 2012, lidera a disputa para a corrida pela Casa Branca em 2016 entre os eleitores de seu partido, de acordo com uma pesquisa da Quinnipiac University divulgada nesta quarta-feira.

REUTERS

26 Novembro 2014 | 14h17

O ex-governador de Massachusets teria uma pequena vantagem sobre a potencial candidata democrata Hillary Clinton, com 45 contra 44 por cento na eleição geral, segundo o levantamento.

Entre os possíveis candidatos republicanos, Romney lidera com 19 por cento, à frente do ex-governador da Flórida Jeb Bush, com 11 por cento, do governador de Nova Jersey, Chris Christie, e Ben Carson com 8 por cento casa. O senador por Kentucky Rand Paul soma 6 por cento.

Carson, um ex-neurocirurgião sem experiência política, é um comentarista conservador e autor do livro "One Nation", que liderou a lista de best-sellers do New York Times em junho.

O deputado por Wisconsin Paul Ryan, o senador pelo Texas Ted Cruz, o governador de Wisconsin, Scott Walker, e o ex-governador do Arkansas Mike Huckabee aparecem com 5 por cento cada, enquanto 16 por cento dos entrevistados declararam-se indecisos,

Em um cenário sem Romney, Bush aparece com 14 por cento, Christie com 11 por cento e Carson com 9 por cento.

Hillary, ex-secretária de Estado, domina a disputa entre os democratas com 57 por cento da preferência, seguida pela senadora por Massachusets Elizabeth Warren, com 13 por cento, e pelo vice-presidente Joe Biden, com 9 por cento.

A pesquisa foi feita por telefone entre os dias 18 e 23 de novembro junto a 707 republicanos e 610 democratas com uma margem de erro de cerca de 4 pontos percentuais.

Mais conteúdo sobre:
EUAROMNEYFAVORITO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.