Sarah Palin inaugura campanha do Tea Party para captar votos

Republicana promete derrotar líderes democratas do Congresso nas eleições de 2 de novembro

Efe

19 de outubro de 2010 | 05h43

Sarah faz campanha em Reno, no Estado de Nevada.

 

WASHINGTON - A ex-governadora do Alasca e emblema do Tea Party, Sarah Palin, promoveu na segunda-feira, 18, o primeiro comício do tour que o movimento ultraconservador fará durante os próximos 15 dias pelos Estados Unidos para captar votos às eleições de 2 de novembro.

O chamado "Tea Party Express" começou na segunda-feira seu quarto e último tour do ano em Reno, no estado americano de Nevada, onde a candidata republicana Sharron Angle pretende vencer a cadeira que disputa com o veterano líder da maioria democrata do Senado, Harry Reid.

Os republicanos, respaldados pelo Tea Party, prometem derrotar no pleito de 2 de novembro os principais líderes democratas do Congresso, Nancy Pelosi e Harry Reid.

Nas eleições legislativas de meio de mandato estarão em jogo todas as cadeiras da Câmara dos Representantes, um terço dos assentos do Senado, governos de 37 estados e de dois territórios.

O "Tea Party Express", um grupo com sede em Sacramento (Califórnia), gastou mais de US$ 1 milhão em Nevada para derrotar Reid e conseguir que Angle seja eleita, indicou a emissora CBS. Segundo as pesquisas, ambos encaram uma disputa muito acirrada.

O Tea Party percorrerá de ônibus 30 cidades, antes de encerrar a viagem, no dia 1º de novembro, em New Hampshire.

Tudo o que sabemos sobre:
Sarah PalinTea PartyvotoscampanhaEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.