Sarah Palin vai lançar autobiografia nos EUA

Governadora do Alasca terá ajuda de escritor para contar sua vida pessoal e política

EFE

13 de maio de 2009 | 14h36

A governadora do Alasca, Sarah Palin, lançará em 2009 uma autobiografia contanto os momentos que considera mais importantes em sua vida política e privada. Palin, de 45 anos, foi candidata à vice-presidência dos Estados Unidos ao lado do republicano John McCain.

 

Segundo a HarperCollins, editora responsável pelo lançamento do livro, a obra ainda não tem título e relatará a vida de Palin como prefeita de Wasilla, como primeira mulher a governar o Alasca e sua ascensão à política nacional durante a última campanha presidencial.

 

Sobre sua vida pessoal, a republicana também contará sobre os desafios que enfrenta sendo uma mãe que trabalha e que tem um filho que no ano passado servia no Iraque, outro com síndrome de Down e uma filha adolescente que ficou grávida aos 17 anos.

 

A governadora, entretanto, não será a autora da obra. Palin contratará um escritor para ajudá-la no relato das memórias e com o advogado Robert Barnett, especializado no mundo editorial e responsável por mediar o contrato com a HarperCollins. Barnett é famoso por conseguir contratos milionários para os lançamentos de biografias, como fez com o ex-presidente Bill Clinton e com o ex-presidente do Federal Reserve (o banco central americano) Alan Greenspan.

 

Embora o valor não tenha sido divulgado, especula-se que a HarperCollins pagará vários milhões de dólares para comercializar a autobiografia de Palin. Mesmo sem citar valores, o presidente e diretor-geral da HarperCollins, Brian Murray, elogiou a personalidade da governadora. Por meio de comunicado, Murray afirmou que "Palin é uma das figuras mais carismáticas, inspiradoras e controvertidas a surgir na política nacional em muitos anos".

Tudo o que sabemos sobre:
PalinbiografiaAlasca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.