Se Spitzer renunciar, NY terá o 1° governador cego nos EUA

Vice-governador David Paterson, que é negro, atua na defesa dos direitos aos deficientes

11 de março de 2008 | 18h45

David Paterson pode se tornar não só o primeiro governador negro de Nova York, mas também o primeiro governador cego da história dos Estados Unidos. Paterson é o sucessor do governador Eliot Spitzer, que, após denúncias de envolvimento com uma rede de prostituição de luxo, está considerando a hipótese de renunciar ao cargo ainda nesta terça-feira, 11.  Veja também: Republicano impulsiona impeachment contra governador de NY Governador pagava prostitutas com empresa fantasma, diz NYT Outros escândalos sexuais na política americanaO governador de Nova York deve renunciar ao cargo?    Paterson contraiu uma infecção quando era criança e, três meses depois, ficou totalmente cego do olho esquerdo e com a visão prejudicada no direito. Antes de ser eleito vice-governador, em 2006, Paterson ocupava havia 11 anos o cargo de senador por Nova York, defendendo os interesses dos deficientes físicos. Em 2002, ele foi eleito líder da minoria democrata no Senado.  Apesar da deficiência visual, ele caminha há 22 anos pelos corredores do Capitólio sem ajuda, reconhece pessoas que estão conversando a poucos metros e memoriza discursos inteiros. O político também já jogou basquete e correu uma maratona. Formado em Direito pela Universidade Harvard, Paterson apóia a senadora Hillary Clinton e era visto como o principal candidato para sucedê-la, caso ela seja eleita presidente em novembro.    

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.