Soldado atingido em tiroteio em Ottawa morre e guarda está ferido, diz ministro

O soldado atingido em um tiroteio no Memorial de Guerra Canadense, em Ottawa, morreu, e um guarda de prédios nas proximidades do Parlamento foi ferido, disse o ministro-chefe de gabinete do Canadá Jason Kenney nesta quarta-feira.

REUTERS

22 de outubro de 2014 | 15h27

"Condolências à família do soldado morto, e orações ao guarda ferido. O Canadá não será aterrorizado ou intimidado", afirmou Kenney, um dos ministros mais poderosos do premiê Stephen Harper, no Twitter.

Uma porta-voz militar canadense disse que não poderia confirmar a notícia da morte e não tinha nenhuma atualização sobre a condição do soldado.

(Por Andrea Hopkins)

Tudo o que sabemos sobre:
CANADASOLDADOMORRE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.