AP
AP

Susan Boyle tira Obama do horário nobre nos EUA

NBC teria ameaçado não transmitir discurso no mesmo horário de entrevista com caloura escocesa

BBC Brasil, BBC

22 de julho de 2009 | 06h21

Numa disputa não declarada entre duas das mais conhecidas personalidades mundiais da atualidade, o presidente americano Barack Obama antecipou em uma hora um discurso programado para a noite desta quarta-feira, 22, e evitou uma disputa de audiência com uma entrevista da cantora escocesa Susan Boyle à rede NBC.

 

Veja também:

link Susan Boyle aparece com novo visual

link Susan Boyle fica entre os cinco vídeos mais assistidos do mundo

link Susan Boyle pode estrelar musical 'Evita', de Lloyd Weber

video Susan Boyle, no YouTube

A entrevista de Susan Boyle, que ficou mundialmente conhecida graças à sua aparição no programa de calouros Britain's Got Talent, em abril, é a atração principal da versão americana do programa, America's Got Talent, que vai ao ar às 21h desta quarta-feira no horário da costa leste americana (22h de Brasília). Na semana passada, a Casa Branca havia anunciado para o mesmo horário um discurso de Obama sobre sua proposta para a reforma no sistema de saúde americano, considerado um dos temas mais importantes de seu governo.

Diante da ameaça da NBC, uma das quatro grandes redes de TV do país, de não transmitir o discurso, para não ter que adiar a transmissão da entrevista, a Presidência americana acabou anunciando na terça-feira a sua antecipação do discurso em uma hora.

A Casa Branca não informou oficialmente a razão da mudança, mas um alto funcionário da Presidência teria dito aos jornalistas locais que a decisão foi tomada após conversas com as redes de TV, para permitir que "o maior número possível de americanos" possam acompanhar as declarações do presidente.

 

Os discursos presidenciais mais importantes são normalmente transmitidos ao vivo pelas TVs americanas, apesar de não haver uma obrigatoriedade legal para isso. Entre as quatro principais redes, a Fox, que tem uma linha política mais ligada ao Partido Republicano, de oposição a Obama, anunciou que não transmitirá o discurso desta quarta-feira. A rede já não havia transmitido o discurso de Obama sobre os primeiros cem dias de seu governo, em abril.

 

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
Susan BoyleBarack Obama

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.