Tempestade de neve deixa pelo menos 17 mortos nos EUA

O mau tempo provocou também o cancelamento de centenas de voos na região central dos Estados Unidos

Efe,

09 de dezembro de 2009 | 23h50

Moradora de Wisconsin tenta abrir guarda-chuva em meio a forte ventania. Foto: Mark Hertzberg/AP

 NOVA YORK -Pelo menos 17 pessoas morreram durante uma tempestade de neve que castigou nas últimas 48 horas boa parte do território dos Estados Unidos, informou nesta quarta-feira, 9, a rede de televisão CNN.

 

Autoridades do estado de Wisconsin declararam estado de emergência e mais de um milhão de residências ficaram sem energia elétrica, segundo o Corpo de Bombeiros de vários estados.

 

A tempestade cobriu de gelo e neve uma extensa zona desde o Texas, no sul, até Kentucky, no centro-leste do país, e no estado do Arkansas "tudo está absolutamente paralisado", disse um porta-voz da polícia.

 

O mau tempo provocou o cancelamento de centenas de voos, muitos deles em grandes aeroportos como os de Chicago, Nova York, Texas, Pensilvânia e Nova Jersey.

 

Mike Welvaert, porta-voz do Serviço Nacional de Meteorologia em Wisconsin, afirmou que os fortes ventos e nevascas devem continuar durante as próximas horas. A previsão é de que as tempestades atingirão também estados do nordeste americano.

Tudo o que sabemos sobre:
nevascatempestadeArkansas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.