Tempestade de neve provoca quatro mortes em Ohio

Camada de neve chegou a atingir recorde histórico de 51 centímetros; transportes foram prejudicados

Associated Press,

09 de março de 2008 | 11h46

Uma forte tempestade atingiu o Estado de Ohio (EUA) na última sexta-feira, 7, e formou uma camada de neve que chegou a alcançar 20 polegadas (51 centímetros). Segundo as autoridades, quatro pessoas morreram no sábado, depois de tentar retirar a neve.  Entre as vítimas, estão três homens que residiam na área de Cleveland e outro que morava em Columbus, capital de Ohio.  As "paredes" de neve de quase um metro de altura diminuíram a visibilidade para menos de meio quilômetro, segundo o Serviço Nacional do Tempo. A tempestade também quebrou o recorde histórico de neve em Columbus, que era de 38,8 centímetros, atingido em fevereiro de 1910.  Na sexta-feira, a camada alcançou 51,82 centímetros em Columbus. Já nas cidades de Cincinnati e Cleveland, a neve atingiu 30 centímetros.  No aeroporto internacional de Columbus, um avião derrapou cerca de 30 metros na pista enquanto pousava na sexta-feira. Segundo o porta-voz do aeroporto, Angie Neal, ninguém ficou ferido. No sábado, a maioria dos vôos que passaria pelo Estado de Ohio foi cancelada ou sofreu atrasos.  As autoridades locais pediram para que os motoristas evitem as rodovias. Pelo menos nove condados fecharam as estradas para tráfico que não fosse emergencial, o que significa que qualquer pessoa que for pega dirigindo será presa, caso não seja uma emergência.

Tudo o que sabemos sobre:
Ohionevemortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.