Tempestade Edouard pode virar furacão antes de atingir EUA

Com ventos a 75 km/h, fenômeno deve ganhar força antes de chegar ao Texas e Louisiana na terça

Efe,

04 de agosto de 2008 | 15h09

A tempestade tropical Edouard ameaça se transformar em um furacão de categoria 1 na passagem pelas águas quentes do Golfo do México antes de atingir, na terça-feira, 5, os estados do Texas e da Louisiana, informou nesta segunda o Centro Nacional de Furacões americano (NHC).   Veja também: Edouard afeta operações de petróleo nos EUA   "Apesar da ligeira diminuição da força de seus ventos, Edouard ainda tem potencial para se transformar em furacão enquanto se aproxima da costa", disse à Agência Efe John Cangialosi, meteorologista do NHC, com sede em Miami.   Edouard tem ventos de 75 km/h, com rajadas mais fortes, mas "espera-se um aumento de intensidade nas próximas 24 horas", informou o NHC em seu boletim ao meio-dia (horário de Brasília).   Os meteorologistas disseram que a tempestade se move em direção ao oeste com velocidade de 13 km/h, e espera-se um giro em direção ao noroeste neste segunda à tarde.   Seguindo esse padrão de trajetória, o olho de Edouard estaria "muito próximo amanhã da parte norte do litoral do Texas ou da costa sudoeste da Louisiana."   Permanece em vigor um alerta de tempestade tropical (passagem do sistema em 24 horas) desde a foz oeste do rio Mississipi até Port O'Connor, no Texas. Também segue em vigor um alerta de furacão (passagem do sistema em 36 horas) desde o oeste de Intracoastal City, na Louisiana, até Port O'Connor.   Naquele momento, o olho da tempestade estava localizado próximo à latitude 28,2 graus norte e longitude 90,6 graus oeste, 260 quilômetros a su-sueste de Lafayette (Louisiana) e 425 quilômetros a lés-sueste de Galveston (Texas).   Durante a temporada atlântica, que começou em 1º de junho e termina em 30 de novembro, já se formaram cinco tempestades tropicais, Arthur, Bertha, Cristóbal, Dolly e Edouard, das quais a segunda e a quarta se transformaram em furacão.   Os meteorologistas previram que a temporada será "um pouco mais ativa" que o normal, com a formação de entre seis e nove furacões e de 12 a 16 tempestades tropicais.

Tudo o que sabemos sobre:
tempestade tropicalEdouardEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.