Tempestade tropical atinge região de Nova Orleans

A tempestade tropical Lee atravessou neste domingo a costa leste do Estado norte-americano da Louisiana, onde a cidade de Nova Orleans se preparava para um dos maiores testes de suas defesas contra inundações desde que o furacão Katrina devastou a cidade em 2005.

KATHY FINN, REUTERS

04 Setembro 2011 | 11h17

O Centro Nacional dos Furacões, órgão dos EUA, informou que o centro do Lee estava cerca de 200 quilômetros a oeste e sudoeste de Nova Orleans, com ventos sustentados na velocidade máxima de 71 quilômetros por hora por volta de 8 horas (9 horas no horário de Brasília).

A previsão era que os ventos se enfraquecessem gradualmente nos próximos dois dias e até 51 centímetros de chuva caíssem no sudeste do Estado, segundo o centro, sediado em Miami.

Em Nova Orleans a tempestade trouxe à memória o furacão Katrina, que em 2005 inundou 80 por cento da cidade, matou 1.500 pessoas e causou danos de mais de 80 bilhões de dólares à região, um popular destino turístico.

Metade da cidade fica abaixo do nível do mar e é protegida por um sistema de diques e comportas.

Os diques podem processar cerca de 2,5 centímetros de chuva por hora e a lenta trajetória da tempestade permanece sendo um motivo de preocupação. Houve relatos isolados de estradas e casas alagadas, mas nenhum registro de mortos ou feridos.

Mais conteúdo sobre:
EUA NOVAORLEANS TEMEPSTADE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.