Terremoto atinge Estado de Nevada e provoca danos

Um terremoto de magnitude 6atingiu uma área próxima da cidade de Wells, no nordeste deNevada (EUA), no amanhecer de quinta-feira, chacoalhando osmoradores em suas camas e provocando alguns danos, afirmaram oserviço geológico dos EUA e habitantes da região. Não há informações sobre mortos ou feridos, mas um moradorde Wells disse que houve incêndios no mercadinho da cidade e emum posto de gasolina. Randy Bowers afirmou que estava trabalhando no turno danoite, no bar do prostíbulo de 140 anos da cidade, quandosentiu dois abalos fortes e um terceiro mais fraco. "O prédio continua aqui, mas tudo o mais foi demolido, tudoo que estava dentro dele está destruído", afirmou Bowers àReuters, por telefone. "As coisas não caíram, saíram voando", acrescentou,observando que não havia clientes no bordel naquela hora e que"as garotas encontravam-se em seus quartos". O epicentro do terremoto, antes avaliado pelo serviçogeológico dos EUA como tendo chegado a intensidade de 6,3,ficou localizado 18 quilômetros a sudeste de Wells. O abaloocorreu às 6h16 (12h16 em Brasília), a apenas 10 quilômetros deprofundidade. Um tremor de terra de 6 graus é capaz de provocar grandesdanos, em particular quando a uma pequena profundidade. Wells, onde moram cerca de 1.300 pessoas, fica 614quilômetros ao norte de Las Vegas, uma cidade famosa por seuscassinos. A Câmara de Comércio considera Wells um "localperfeito" para que se gravem filmes de caubói e "road movies". Moradores de áreas mais distantes, fora de Wells, tambémdisseram ter sentido o abalo sísmico. "Ele durou entre 10 e 15 segundos", disse Susan Shaw àReuters, por telefone. "Eu moro a cerca de 32 quilômetros deWells e o terremoto chacoalhou toda a casa. Foi algoassustador, mas não houve maiores danos." Shaw, que trabalha em um hotel de Elko, a 72,5 quilômetrosde Wells, disse que as calçadas ficaram rachadas na frente dohotel. Não houve relatos sobre danos na mais próxima cidade degrande porte, Salt Lake City, em Utah, 290 quilômetros a leste.Alguns moradores dessa cidade, no entanto, sentiram oterremoto, afirmou uma rádio local. "Eu vi as cortinas e os lustres balançarem", disse DennisLyman, morador de Salt Lake City. (Reportagem de James Nelson em Salt Lake City e MaryMilliken em Los Angeles)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.