Tornados atingem cinco Estados e deixam dezenas de mortos nos EUA

Tornados atingem cinco Estados e deixam dezenas de mortos nos EUA

Kentucky registrou ‘tornado quádruplo’; ao menos 70 pessoas morreram no Estado

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de dezembro de 2021 | 03h26
Atualizado 11 de dezembro de 2021 | 18h16

FRANKFORT, EUA - Dezenas de pessoas morreram entre a noite de sexta-feira e a madrugada deste sábado, 11, após uma sequência devastadora de tornados atingir vários Estados do sudeste e centro-oeste dos EUA. As autoridades continuam trabalhando em resgates e acreditam que o número de vítimas deve subir até o fim do dia. O Storm Prediction Center do Serviço Meteorológico Nacional disse ter recebido 36 relatos de tornados caindo em Illinois, Kentucky, Tennessee, Missouri e Arkansas.

O Estado mais atingido foi Kentucky, onde um ‘tornado quádruplo’ matou ao menos 70 pessoas, informou na manhã deste sábado o governador Andy Beshear. "Acreditamos que o número de mortos neste evento excederá 50 residentes de Kentucky, provavelmente terminará perto de 70 a 100 vidas perdidas", disse ele em uma entrevista à imprensa. Este foi "o tornado mais sério da história do Kentucky", acrescentou.

O "tornado quádruplo" foi excepcionalmente duradouro e forte para a época do ano, disseram especialistas em clima. O tornado, que atravessou Monette, no Arkansas, e Mayfield, em Kentucky, parece ter aberto um caminho de 386 km; se tiver permanecido no solo sem interrupção, terá batido o recorde de mais longa pista de tornado da história dos EUA e se tornará o primeiro a cruzar quatro Estados.

A cidade de Mayfield, no oeste do Kentucky, foi severamente atingida. Cerca de 110 pessoas estavam dentro de uma fábrica de velas que desabou com a força do tornado. "É trágico. Acreditamos que perderemos pelo menos dezenas desses indivíduos", disse Beshear.

Vídeos e fotos postados nas redes sociais mostraram edifícios de tijolos no centro de Mayfield reduzidos a escombros, com carros praticamente enterrados. A torre do tribunal do condado de Graves em Mayfield parecia ter sido derrubada, mostram fotos no Twitter.

Nas primeiras horas, mais de 56 mil pessoas em Kentucky ficaram sem energia, disse Beshear. Ele declarou estado de emergência e destacou dezenas de guardas nacionais para as comunidades.

O tornado também destruiu o telhado da casa de repouso Monette Manor, no norte do Arkansas, uma instalação de 86 leitos, matando pelo menos um e ferindo cinco, disse o juiz Marvin Day, do condado de Craighead.  Autoridades em Illinois, Missouri, Kentucky e Tennessee relataram outros danos catastróficos -- e ocasionalmente mortais -- e o radar meteorológico detectou destroços de um tornado por mais de três horas consecutivas, às vezes elevados a mais de 9 km no céu.

Em Illinois, a polícia disse que havia "fatalidades confirmadas" depois que um telhado desabou parcialmente em um depósito da Amazon na cidade de Edwardsville na noite de sexta-feira. A mídia noticiou que cem trabalhadores ficaram presos no local. Os funcionários trabalhavam no turno da noite processando milhares de pedidos antes do feriado de Natal.

Imagens de drones do armazém mostraram uma cena caótica no escuro da manhã, com centenas de veículos de emergência ao redor da área e equipes de resgate com lanternas vasculhando os escombros. O telhado parecia ter sido arrancado como tecido de um esqueleto de metal do edifício.

"Minhas orações vão para o povo de Edwardsville esta noite", disse o governador de Illinois, JB Pritzer. A polícia e a agência de emergência estadual “estão em coordenação estreita com as autoridades locais e vou continuar a monitorar a situação”, acrescentou.

Em um comunicado enviado à mídia local, o porta-voz da Amazon, Richard Rocha, disse que "a segurança e o bem-estar de nossos funcionários e parceiros são nossa prioridade no momento. Estamos tratando da situação e compartilharemos informações adicionais quando as tivermos."

No Tennessee, o clima severo matou pelo menos três pessoas, disse Dean Flener, porta-voz da Agência de Gerenciamento de Emergências do estado. Flener disse que dois morreram no condado de Lake e um no condado de Obion, mas não tinha nenhuma informação sobre as circunstâncias das mortes.

No Missouri, imagens da afiliada local da CBS mostraram destroços em rodovias e casas com seus telhados arrancados. Um porta-voz do condado de St. Charles, perto de St. Louis, disse que três pessoas de Defiance, onde duas rodovias se cruzam, foram levadas ao hospital.

No início do dia, o Centro de Previsão de Tempestades do Serviço Meteorológico declarou um risco de nível 4 de 5 para tempestades severas na região, alertando que alguns tornados fortes poderiam se formar. Foi a primeira emissão desse nível de risco desde dezembro desde 2019 e apenas a segunda desde 2015, de acordo com Greg Diamond, meteorologista da Fox Weather.

As tempestades foram desencadeadas por uma poderosa frente fria que varreu o meio-oeste e colidiu com um calor recorde à sua frente.

É incomum que surja uma tempestade severa dessa intensidade em dezembro, quando o ar quente e instável necessário para alimentar tempestades intensas é normalmente limitado. Mas o aumento recorde de calor no terço oriental do país criou um ambiente de tempestade mais característico de março ou abril do que dezembro. /AP, AFP, WP, EFE e REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.