Tornados atingem Oklahoma e causam 'danos extensos'

Ciclones destruíram casas e danificaram seriamente várias construções no Estado

Reuters

24 de maio de 2011 | 21h23

Moradores de El Reno procuram pertences em casa destruída.

 

OKLAHOMA CITY - Vários tornados chegaram até o Estado americano de Oklahoma na tarde desta terça-feira, 24, arrastando casas e causando danos a outras construções. O maior deles atingiu El Reno, a oeste de Oklahoma City, e continuou em direção a nordeste, de acordo com o Instituto de Meteorologia dos Estados Unidos.

O tornado causou "danos extensos" em El Reno, uma cidade de 15 mil pessoas, disse Rick Smith, do Instituto de Meteorologia Nacional em Norman. "Há vários caminhões e carros de cabeça para baixo na estrada 40", disse. "Visualmente, era um grande tornado. Não está claro quais foram os seus ventos máximos."

Outras fortes tempestades de raios estão se desenvolvendo ao sudoeste de Oklahoma City, o que pode criar mais tornados, afirmou Smith.

O Estado norte-americano vem se preparando durante todo o dia para o clima ruim, depois que o Instituto de Meteorologia dos EUA afirmou que as condições eram próprias para o surgimento de tornados.

O novo ciclo de tornados começou dois dias depois que um tornado gigantesco destruiu o coração da cidade de Joplin, no Missouri, matando pelo menos 118 pessoas. Foi o mais mortal nos Estados Unidos em 64 anos.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAOklahomaTornadosclimafuracão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.