Usinas nucleares dos EUA atingidas por tornados estão estáveis

O órgão regulador da segurança nuclear dos Estados Unidos observou atentamente a capacidade das usinas do país de resistir a blecautes na quinta-feira, um dia depois que tempestades pesadas e tornados deixaram três reatores nucleares apagados no Alabama.

ROBERTA RAM, REUTERS

28 de abril de 2011 | 12h24

As usinas continuaram estáveis e os sistemas de segurança funcionaram conforme o planejado, disse Gregory Jaczko, presidente da Comissão Reguladora Nuclear.

"Todos os geradores a diesel disponíveis foram iniciados e carregados, e o núcleo de sistemas de refrigeração continuou funcionando normalmente. Além disso, o resfriamento do combustível irradiado está ativado. Todas as usinas são estáveis", disse Jaczko.

Jaczko falou antes de uma entrevista à imprensa sobre a usina nuclear de Fukushima, no Japão, que ficou gravemente danificada ao ser atingida por um terremoto e tsunami.

Comissários estão analisando as regras e regulamentos concebidos para assegurar que usinas dos EUA sejam resistentes a apagões, como parte da resposta norte-americana ao desastre japonês.

Tudo o que sabemos sobre:
EUATORNADOSNUCLEAR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.