Amorim fala com chanceler colombiano sobre crise com Venezuela

O ministro das Relações ExterioresCelso Amorim encontrou-se na quinta-feira com o chancelercolombiano, Fernando Araújo, que lhe falou sobre a origem e odesenvolvimento da atual crise diplomática de seu país com aVenezuela. A reunião ocorreu no Aeroporto Militar de Catam, a oeste deBogotá, durante uma escala técnica do avião de Amorim, quevoltava do México ao Brasil. Segundo um funcionário do governo colombiano, Araújo"percebeu uma atitude de colaboração por parte de Amorim". A fonte, que pediu para não ser identificada, acrescentouque Bogotá não solicitou a intermediação do governo dopresidente Luiz Inácio Lula da Silva para ajudar a solucionar oque é considerada a pior crise diplomática da história recentede Colômbia e Venezuela. O incidente começou depois que, na semana passada, opresidente colombiano, Alvaro Uribe, suspendeu a participaçãodo presidente venezuelano, Hugo Chávez, nas negociações com asForças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) para alibertação de 49 reféns, incluindo a ex-candidata presidencialIngrid Betancourt e três norte-americanos. Chávez anunciou na quarta-feira que não manterá nenhum tipode relação com o governo da Colômbia enquanto Uribe forpresidente. No entanto, as relações comerciais entre os dois países,que mantêm uma dinâmica atividade e que compartilham umafronteira terrestre de 2.219 km, ainda não sofreram asconsequências da crise diplomática. (Reportagem de Luis Jaime Acosta)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.