Argentina restringe importação para impulsionar indústria

O governo da Argentina anunciou nasexta-feira restrições mais firmes às importações para tentarproteger a indústria local. Os novos limites se aplicam a importações de sapatos epneus, entre outros produtos, disse o ministro argentino daEconomia, Miguel Peirano. A decisão acontece após a redução do superávit comercial daterceira maior economia da América latina em maio e junho,devido ao aumento das importações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.