ATUALIZA 1-Chávez segue com problema respiratório;governo divulga fotos

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, segue com problemas respiratórios em consequência de uma operação contra o câncer a qual foi submetido há mais de dois meses em Cuba, anunciou nesta sexta-feira o governo da Venezuela, que também divulgou as primeiras fotos de Chávez desde a operação.

MARIANNA PÁRRAGA E MARIO NARANJO, Reuters

15 de fevereiro de 2013 | 14h26

As fotos, que foram transmitidas em cadeia nacional de TV, mostram Chávez acompanhado das duas filhas, rindo e lendo um jornal, deitado na cama do hospital em Havana onde está internado para tratar a recorrência do câncer que enfrenta desde 2011.

"A infecção respiratória surgida no curso do pós-operatório foi controlada, ainda que persista um certo grau de insuficiência. Dada esta circunstância, que está sendo tratada, no momento o comandante apresenta respiração através de cânula traqueal, o que dificulta temporariamente a fala", disse o ministro da Comunicação, Ernesto Villegas, lendo um comunicado.

Posteriormente foram divulgadas as fotos, que o ministro de Ciência e Tecnologia, Jorge Arrreaza, disse que foram feitas na quinta-feira à noite.

Nas fotos, o militar aposentado, de 58 anos, aparece inchado e acamado, mas sorridente e lendo uma edição de quinta do jornal cubano Granma.

A cânula traqueal é um tubo que se coloca no paciente através de uma abertura criada mediante traqueostomia para permitir uma respiração adequada. As fotos não mostram o pescoço de Chávez.

Villegas acrescentou que "a equipe médica aplica tratamento enérgico para a enfermidade de base, que não está livre de complicações. O paciente coopera com o tratamento e a reabilitação em ligação estreita com a equipe médica de trabalho."

O ministro garantiu que Chávez se mantém em "comunicação" com sua equipe de governo, apesar de o comunicado ter afirmado que ele tem dificuldades para falar.

A divulgação das fotos acontece dias após o vice-presidente Nicolás Maduro ter dito que Chávez estava recebendo tratamentos complementares "duros" e "complexos", após ter concluído o ciclo pós-operatório.

Em suas declarações, que foram menos otimistas que seus informes anteriores sobre a saúde do presidente, Maduro não passou mais detalhes.

Os rumores sobre a real situação de Chávez não param.

Ele não compareceu à cerimônia de posse para seu novo mandato presidencial em 10 de janeiro, mas as autoridades que governam o país durante sua ausência garantem que ele retornará quando estiver recuperado da operação.

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELACHAVEZFOTOSATUALIZA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.