Autoridades no México recuam sobre cifras de deslizamento em Oaxaca

Antes com 7 mortos e 100 desaparecidos, agora nenhuma morte foi confirmada e só há 11 desaparecidos

AP,

28 de setembro de 2010 | 22h18

 

Deslizamento danifica região turística de Puerto Escondido, em Oaxaca. Foto: Divulgação/Efe

 

CIDADE DO MÉXICO- Autoridades federais e estaduais do México recuaram sobre o número de vítimas causado por um deslizamento no estado de Oaxaca, onde disseram que não há nenhuma morte confirmada e apenas 11 desaparecidos.

 

Horas atrás, a Defesa Civil do país e o governador Ulisses Ruiz haviam informado a cifra de sete mortos e 100 desaparecidos.

 

O secretário de Governo (ministro do Interior), Francisco Blake, e Ruiz disseram ao canal Televisa que até o momento só há oito crianças e três adultos desaparecidos.

 

"Infelizmente os números mudaram radicalmente, até o grau que nos últimos 15 minutos não se confirma nenhuma pessoa morta", afirmou o governador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.