Avião é esvaziado na Venezuela por alerta de bomba

Vôo UX 72 da Air Europa iria da capital venezuelana para Madri; bagagens são revistadas

Efe,

21 de abril de 2008 | 06h49

Um avião da companhia espanhola Air Europa foi evacuado na noite deste domingo, 20, no aeroporto internacional de Maiquetía, em Caracas, depois que a companhia aérea recebeu uma ligação "sobre um passageiro com supostos explosivos", segundo informou a rede de televisão venezuelana Globovisión. A gerente da Air Europa em Maiquetía, Xiomara Marín, explicou que "foi recebida uma ligação sobre um passageiro com supostos explosivos e se procedeu a alertar às autoridades", segundo a rede de televisão. "A aeronave foi transferida a um ponto 'X' onde está sendo revistada", acrescentou Marín, indicando que foram recebidas duas ligações que alertavam da mesma situação: uma da Venezuela e outra da Espanha. O vôo UX 72 da Air Europa iria da capital venezuelana para Madri. Antonio González, passageiro do vôo, explicou a Globovisión que funcionários da Guarda Nacional e de outras forças de segurança venezuelanas entraram na aeronave e retiraram todos os passageiros. Os agentes revistaram por baixo do assento do piloto e retiraram a bagagem dos mais de 200 passageiros que o vôo levava para conferi-la, segundo González. O passageiro também explicou que as forças de segurança levaram quatro jovens a uma clínica para realizar radiografias de tórax. Os outros passageiros se encontram no terminal do aeroporto sob vigilância. "Para ir ao banheiro um funcionário te acompanha, o que é absolutamente uma violação dos direitos humanos", se queixou o passageiro em suas declarações à rede de televisão venezuelana.

Tudo o que sabemos sobre:
alerta de bombaaviaçãoVenezuela

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.