Betancourt está viva e bem de saúde, diz senadora Córdoba

Resposta das Farc é de que ex-candidata se encontra viva e em boas condições, assim como outros reféns

Agência Estado e Associated Press,

19 de setembro de 2007 | 20h09

A ex-candidata à presidência da Colômbia, Ingrid Betancourt, seqüestrada há mais de cinco anos pela guerrilha das Forças Armadas Revolucionária da Colômbia (Farc), estaria viva e em boas condições de saúde, afirmou nesta quarta-feira, 19, a senadora colombiana Piedad Córdoba. "A resposta deles (das Farc) é que (Betancourt) se encontra viva e em boas condições de saúde, bem como a maioria dos reféns que estão em poder das Farc," disse Córdoba em entrevista veiculada pela Rádio Unión. A senadora - autorizada pelo presidente colombiano Alvaro Uribe a facilitar um encontro entre representantes das Farc e o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, explicou que perguntou sobre a situação da saúde de todos os 45 reféns durante um encontro com Raúl Reyes, porta-voz das Farc e membro do secretariado. A reunião ocorreu na semana passada, em um lugar na selva no Sul da Colômbia. Betancourt foi vista pela última vez em um vídeo divulgado pelas Farc em 2003.

Tudo o que sabemos sobre:
Ingrid BetancourtColômbiaFarc

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.