Bolívia apreende 674 kg de cocaína peruana destinada ao Brasil

O governo da Bolívia disse na sexta-feira que apreendeu dois dias atrás um carregamento de 674 quilos de cocaína peruana que tinha como destino o Brasil, numa das maiores operações do ano.

REUTERS

31 de dezembro de 2010 | 20h14

A apreensão aumentou o balanço anual de captura de droga na Bolívia para 29.044 quilos, disse em entrevista coletiva o ministro de Governo, Sacha Llorenti.

Outra fonte oficial apontou que ao menos dois terços da droga apreendida eram de cocaína e o resto de maconha, essa última de crescente produção no país, que é considerado o terceiro maior produtor mundial de coca e cocaína, depois de Colômbia e Peru.

A cocaína era transportada num caminhão de combustíveis procedente do Peru e transitava em território boliviano em direção ao distrito de Santa Cruz, disse Llorenti. Apenas o motorista foi preso.

"Os números indicam que aproximadamente 50 por cento da cocaína (apreendida na Bolívia) são produzidos no Peru, por isso estamos acelerando o processo de coordenação com Brasil, Peru e também Chile para... continuar fortalecendo o trabalho conjunto de luta contra um flagelo internacional", disse o ministro.

(Reportagem de Carlos A. Quiroga)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLIVIADROGASAPREENDE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.