Bolívia diz ter matado 3 que planejavam assassinar Evo Morales

O presidente da Bolívia, Evo Morales, disse nesta quinta-feira que forças da segurança do país impediram um plano de assassiná-lo, matando três estrangeiros em um tiroteio que durou meia hora em um hotel.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.