Brasileiros lideram entrada turística na Argentina em julho

A entrada de turistas na Argentina cresceu 84,2 por cento em julho, na comparação anual, para 236.571 visitantes, indicou o governo na quarta-feira. Os brasileiros responderam por 43,4 por cento deste total.

REUTERS

15 de setembro de 2010 | 17h40

Por outro lado, a saída de turistas argentinos em julho aumentou 19,7 por cento, para 152.299 pessoas em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com o relatório do Instituto Nacional de Estatística e Censos (Indec).

A medição oficial é feita sobre a base de entrada e saída de pessoas pelos dois principais aeroportos internacionais do país, Ezeiza e Jorge Newbery, que representam aproximadamente 50 por cento do movimento turístico.

O gasto dos turistas internacionais que visitaram a Argentina atingiu 281,6 milhões de dólares, uma alta expressiva de 67,5 por cento em relação a julho do ano passado. Já os argentinos gastaram no exterior 233 milhões de dólares, um aumento de 19,4 por cento.

Depois dos brasileiros, o "restante da América" representou a segunda categoria com maior número de entradas, com aumento de 18 por cento, e a Europa, com alta de 15,5 por cento.

O gasto diário médio dos turistas na Argentina foi de 106,6 dólares em julho.

(Reportagem de Juliana Castilla)

Tudo o que sabemos sobre:
ARGENTINABRASILEIROSENTRADAS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.