Chávez diz que proposta de acabar com a OEA é interessante

Presidente nicaragüense, Daniel Ortega, teria lançado idéia durante a 17ª Cúpula Ibero-americana

EFE

10 de novembro de 2007 | 04h00

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, considerou, nesta sexta-feira, "interessante" a proposta de seu colega nicaragüense, Daniel Ortega, de acabar com a Organização dos Estados Americanos (OEA) e formar "uma espécie de organização de estados ibero-americanos". Chávez disse que Ortega lançou essa idéia na reunião dos chefes de Estado e de Governo dos 22 países ibero-americanos que participam da 17ª Cúpula Ibero-americana, que termina, neste sábado, em Santiago do Chile. O presidente venezuelano afirmou que a proposta surpreendeu os presentes à reunião, e apesar de não se pronunciar a favor ou contra a idéia, afirmou que ela de ser "estudada".  Chávez acrescentou que ninguém se pronunciou "contra ou a favor" à proposta, mas que houve um "debate muito interessante".

Tudo o que sabemos sobre:
OEAChávez

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.