Chávez volta à Venezuela para celebrar aniversário de Bolívar

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, retornou de surpresa a seu país na noite de sábado após sessões de quimioterapia em Cuba, a tempo de comemorar neste domingo o aniversário do herói da independência, Simón Bolívar.

DIEGO ORÉ, REUTERS

24 de julho de 2011 | 10h17

Chávez, que completará 57 anos no próximo dia 28 de julho, retorna a Venezuela após passar uma semana em Havana e assegurou que não foram encontradas células malignas.

A enfermidade de Chávez gera rumores e especulações pouco mais de um ano antes das eleições presidenciais, na qual espera -se que ele volte a ser candidato.

"Cumpri com a palavra, voltei melhor do que quando parti", disse Chávez na noite de sábado ao ser recebido por vários ministros no aeroporto de Caracas.

"É uma doença difícil, mas estamos vencendo e venceremos", acrescentou.

Neste domingo serão conhecidos os resultados da exumação dos restos mortais de Bolívar, que o próprio Chávez mandou fazer no ano passado, para tentar provar que ele morreu envenenado por inimigos na Colômbia, e não de tuberculose, como diz a versão mais aceita.

(Reportagem adicional de Deisy Buitrago)

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELACHAVEZBOLIVAR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.