Chefe de Estado-Maior dos EUA chega a Bogotá

Almirante Michael Mullen e ministro de Defesa colombiano vão discutir a luta contra o tráfico de drogas

Efe,

17 de janeiro de 2008 | 02h21

O chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Militares dos Estados Unidos, almirante Michael Mullen, chegou nesta quarta-feira, 16, a Bogotá para reforçar a cooperação entre os dois países e estudar assuntos como a luta contra o narcotráfico. Veja também: Juíza colombiana rejeita pedido de desmilitarização de povoados Condoleezza Rice vai visitar Bogotá e Medellín em janeiro O oficial americano foi recebido no setor militar do aeroporto de Bogotá pelos comandantes das Forças Militares colombianas. Mullen se reunirá nesta quinta-feira com o ministro da Defesa, Juan Manuel Santos, para estudar os projetos de cooperação, entre eles a luta contra o tráfico de drogas. De 2000 a 2006, os EUA investiram mais de US$ 4 bilhões no Plano Colômbia contra as drogas e o terrorismo.

Tudo o que sabemos sobre:
ColômbiaEUAtráfico de drogas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.