Cidades do Equador são abaladas por saques, dizem testemunhas

Saques irromperam nesta quinta-feira em Quito, capital do Equador, e na segunda mais importante cidade do país, Guayaquil, disseram testemunhas, num momento que o país é abalado por uma greve de policiais e uma crise entre o presidente Rafael Correa e o Congresso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.