Colômbia e Venezuela concordam em restabelecer relações

Os presidentes da Colômbia, Juan Manuel Santos, e da Venezuela, Hugo Chávez, concordaram nesta terça-feira em restabelecer as relações diplomáticas entre os dois países.

REUTERS

10 de agosto de 2010 | 20h38

O acordo foi acertado na cidade colombiana de Santa Marta durante o primeiro encontro entre ambos os líderes. No mês passado, a Venezuela decidiu romper os laços diplomáticos em resposta às acusações de Bogotá de que abrigaria guerrilheiros.

Pouco depois de assumir a Presidência no sábado, Santos expressou sua disposição para resolver a crise iniciada no governo de seu antecessor Álvaro Uribe, que manteve relações tensas com o governo venezuelano.

Há quase um ano, Chávez ordenou a suspensão das importações da Colômbia como represália a um acordo militar entre Bogotá e Washington, considerado por ele como uma ameaça à sua revolução socialista. Uribe justificou o acordo como necessário para reforçar a luta contra a guerrilha e o narcotráfico.

(Reportagem de Luis Jaime Acosta)

Tudo o que sabemos sobre:
COLOMBIAVENEZUELARELACOES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.