Colômbia resgata refém do ELN na fronteira com o Equador

A estudante contou que foi sequestrada quando ia para o colégio por três supostos guerrilheiros

Efe

16 de julho de 2009 | 04h57

As autoridades colombianas resgataram uma estudante de 14 anos sequestrada há alguns dias no departamento (estado) de Nariño, na fronteira com o Equador, por guerrilheiros do Exército de Libertação Nacional (ELN), disse na quarta-feira, 15, uma fonte da Inteligência do país.

 

De acordo com o Departamento Administrativo de Segurança (DAS), o resgate da jovem ocorreu em um bairro da cidade de Samaniego, em Nariño.

 

A estudante contou que foi sequestrada quando ia para o colégio na cidade de Barbacoas por três supostos guerrilheiros da frente Comuneros Sur do ELN.

 

Segundo o DAS, o sequestro da jovem teria sido uma represália à recusa de sua família em colaborar financeiramente com a guerrilha.

Tudo o que sabemos sobre:
ColômbiaELZEquadorsequestro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.