Colombiano Uribe diz que as Farc só entregam reféns a Chávez

O presidente da Colômbia, Álvaro Uribe,disse na quarta-feira que seu colega venezuelano, Hugo Chávez,é a única pessoa no mundo a quem as guerrilhas da Farc podementregar 49 reféns sequestrados, entre os quais a ex-candidataa presidente Ingrid Betancourt. Chávez busca, com autorização de Uribe, mediar um acordoentre o governo colombiano e as Forças Armadas Revolucionáriasda Colômbia (Farc) para a troca de cerca de 500 guerrilheirospresos pelos reféns, alguns dos quais sequestrados há quase dezanos. "Eu, por muitas razões que algum dia serão escritas emdetalhe, porque as tenho guardadas na minha mente, pensei que opresidente Chávez é o único ser hoje no mundo a quem as Farcdeveria respeitar e entregar-lhe os sequestrados", afirmouUribe em um ato oficial. "Fiz essa reflexão, não os entregariam à Igreja, não osentregariam às Nações Unidas, não os entregariam à França.Esperemos que, sim, os entreguem ao presidente Chávez, de quemfalam bem", acrescentou. Para que a negociação aconteça, a guerrilha exige que ogoverno desmilitarize uma área montanhosa de 780 quilômetrosquadrados, onde ocorreria o diálogo. Uribe diz que a verdadeiraintenção da guerrilha com isso é tirar proveito militar de umazona estratégica para o tráfico de drogas e armas. Uribe justificou sua decisão de dar prazo para a mediaçãode Chávez, até o fim do ano, pelo fato de que, segundo ele, nãose pode permitir que a guerrilha abuse do acordo humanitário eda mediação venezuelana para fazer política paralelamente àssuas práticas terroristas. (Reportagem de Luis Jaime Acosta)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.